Notícias

IPOR pretende abrir delegação em Pequim

O Instituto Português do Oriente (IPOR), sediado em Macau, pretende abrir até ao final do ano uma delegação em Pequim e um centro de línguas na cidade de Chengdu, na província de Sichuan.

Numa entrevista à Lusa, o Director do IPOR, Joaquim Ramos Coelho, disse que a delegação na capital chinesa poderá abrir em finais de Outubro ou início de Novembro, sendo que o projecto começou já no início deste ano.

É importante ter uma presença física em Pequim porque “há muita gente a fazer cursos de português à distância através de videoconferência” e existem “muitos pedidos de regiões da China continental”, disse à agência noticiosa o responsável do IPOR.

As universidades da China continental podem também pedir ajuda à futura delegação do IPOR em Pequim para a formação de professores de língua portuguesa, acrescentou Joaquim Ramos Coelho.

Quanto a Chengdu, o IPOR tem já uma presença na cidade, ensinando português a médicos, enfermeiros e técnicos do Centro Internacional de Formação na área da Saúde e do Planeamento Familiar, refere a Lusa.