Outras Informações

IPIM realizou a Sessão de Apresentação sobre a Nova Lei de Investimento de Timor-Leste

Para desempenhar plenamente a função de Macau como a Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, bem como ajudar as pequenas e médias empresas de Macau a compreender melhor o mercado dos Países de Língua Portuguesa, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau, o TradeInvest Timor-Leste e o Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Macau) organizaram conjuntamente, aos 23 de Março, a “Série de Oportunidades de Negócios dos Países de Língua Portuguesa – Apresentação da Nova Lei de Investimento de Timor-Leste”, que atraiu a participação de mais de 50 representantes, empresários e investidores de órgãos económicos e comerciais das áreas de construção, justiça, retalho, produtos alimentares, comércio de café, agentes de materiais de construção, etc..

A Vogal Executiva do IPIM, Dra. Glória Batalha Ung, no seu discurso afirmou que Timor-Leste possui recursos naturais e humanos abundantes, cujas leis e regulamentos relacionados a investimento estão a ser melhorados constantemente, com grande potencial de desenvolvimento. Ao mesmo tempo, com o grande apoio do Governo Central, Macau está a esforçar-se por construir a “Plataforma de serviços para a cooperação comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, para criar condições mais favoráveis ao investimento dos empresários do Interior da China e de Macau em Timor-Leste e em outros Países de Língua Portuguesa. Por outro lado, nos últimos anos, o IPIM tem desenvolvido de forma activa a construção da plataforma sino-lusófona em todos os aspectos, tanto on-line quanto off-line, por exemplo, através da organização de convenções e exposições, incluindo a “Feira Internacional de Macau” (MIF) e a “Exposição de Produtos e Serviços dos Países de Língua Portuguesa (Macau) 2017” (PLPEX) que foi realizada pela primeira vez independente no ano passado, injectou mais elementos dos Países de Língua Portuguesa. O IPIM organizou empresas da China Continental e de Macau para fazer intercâmbio, visita e participação de exposições nos Países de Língua Portuguesa, bem como criou mais oportunidades para que as empresas de todos os lados possam ter contacto e intercâmbio.

Na sessão de esclarecimento desta vez, foi convidado o Director Executivo do TradeInvest Timor-Leste, Eng. Arkanjo da Silva, e o Assessor jurídico do mesmo Instituto, Dr. Duarte Carneiro, como oradores. Na reunião, foram introduzidos o ambiente de investimento de Timor-Leste, a nova lei de investimento privado, incentivos de investimentos e fiscais, etc, que permitiram aos participantes terem uma compreensão aprofundada das leis e procedimentos de investimento de Timor-Leste, oportunidades económicas e de mercado. Houve uma sessão de perguntas e respostas no local, e os oradores fizeram intercâmbio directamente com as empresas, e forneceram informações profissionais para empresas interessadas em expandir o mercado local. Isso ajudou a prosperidade e o desenvolvimento das actividades económicas e comerciais entre as pequenas e médias empresas de Macau e o mercado dos Países de Língua Portuguesa.

Os convidados e as instituições que participaram da sessão de esclarecimento também incluíram: o Secretário-Geral Adjunto do Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Macau), Dr. Rodrigo Brum, o Coordenador do Gabinete de Ligação e Delegado de Timor-Leste junto do Secretariado Permanente, Dr. Danilo Henriques, e representante das empresas pequenas e médias de Macau.

Fonte: Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau