Notícias

Fornecedor chinês exporta produtos alimentares para África

O fornecedor chinês Hunan Gaoqiao Grand Market Co. Ltd. assinou acordos para vender 2 mil toneladas de sementes de sésamo a importadores de Moçambique e 500 toneladas de gengibre seco a compradores da Nigéria.

Os acordos foram assinados na segunda-feira, durante a reunião bianual da Zona Piloto de Comércio Livre de Hunan, situada na cidade de Changsha, capital da província do centro da China.

Segundo o portal noticioso estatal chinês The Paper, a zona piloto, lançada em Setembro, anunciou que o seu volume de exportação atingiu um total de 6,94 milhões de yuan (US$1,07 milhões) até ao final de 2020.

A zona piloto acolhe ainda o Parque de Cooperação e Inovação Económica e Comercial China-África, criado para promover o comércio entre os dois mercados, refere o portal noticioso.

A zona piloto assinou recentemente acordos com empresas da África do Sul para importar bens alimentares e minério e exportar produtos manufacturados, incluindo materiais de construção.