Notícias

Empresa chinesa de logística ajuda a reforçar ligação entre Angola e países vizinhos

Um projecto-piloto de um ano, para testar a implementação de armazéns de trânsito, tem ajudado a promover as ligações entre Angola e os países vizinhos, disse a Directora dos Serviços Aduaneiros da Administração Geral Tributária de Angola, Nerethz Tati.

Os armazéns de trânsito referem-se a mercadorias externas que passam por Angola com destino a países vizinhos.

Segundo o Jornal de Angola, a empresa estatal chinesa de logística Sinotrans Ltd transportou, no segundo trimestre de 2021 e fazendo uso de armazéns de trânsito, um total de 11 mil toneladas de enxofre e sódio e 16.800 toneladas de materiais de construção para a República Democrática do Congo, através de Angola .

A subsidiária angolana da Sinotrans trouxe de volta 6.030 toneladas de cobre do Congo.

Nerethz Tati disse ao jornal angolano, à margem de um fórum aduaneiro, que a Sinotrans Angola e as empresas locais Tandimex e Leonor Carrinhos e Filhos estão a participar no projecto-piloto, lançado há sete meses.