Notícias

Investimento chinês dinamiza recuperação económica de Portugal

O investimento chinês ajudou nos últimos anos Portugal a dar continuidade a uma recuperação económica gradual, de acordo com a estação televisiva estatal chinesa CCTV.

Segundo a emissora, o investimento chinês representou 45 por cento dos 9,2 mil milhões de euros (US$10,22 mil milhões) angariados pelo Governo português ao longo dos últimos três anos através da alienação de bens do Estado.

“Tivemos investimento chinês em companhias de utilidade pública; também tivemos investimento chinês em bancos de investimento aqui em Portugal”, afirmou à CCTV Pedro Ortigão Correia, Vogal Executivo da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP). “E Portugal foi um ponto de entrada muito interessante para a Europa”, que “tem um mercado de 500 milhões de consumidores”, acrescentou o responsável.

De acordo com a notícia da CCTV, além de projectos ligados às áreas das empresas de utilidade pública e das infra-estruturas, os dois países têm vindo a diversificar o portfólio de relações bilaterais ao nível do comércio, esperando-se que o mesmo continue a crescer nos próximos anos.

“Portugal começou a atrair muitos turistas chineses e […] isso vem alargar a ligação entre os países”, defendeu também Pedro Ortigão Correia.