Notícias

China planeia construir hospital e hotel em Bissau

Um grupo de empresários chineses encontra-se de visita à Guiné-Bissau para assinar uma série de acordos que incluem a construção de um hospital e de um hotel na capital do país africano, Bissau.

A delegação da Câmara de Comércio e Indústria de Chineses do Ultramar está na Guiné-Bissau desde 1 de Outubro, na sequência de um convite da Câmara de Comércio, Indústria, Agricultura e Serviços da Guiné-Bissau.

Citado pelo jornal A Bola – África, o Vice-Presidente do grupo guineense, Mama Samba Embalo, afirmou que a construção do que designou como “Hotel Presidencial” deverá ter início “brevemente”.

O dirigente – que falava após uma reunião com a delegação chinesa e o Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz – acrescentou que a China planeia também construir “um hospital de referência” em Bissau.

Segundo a agência angolana de notícias Angop, a Presidente da associação chinesa, Li Gui Xiang, explicou, à chegada a Bissau, que as parcerias a serem seladas durante a visita ao país africano incluem a construção de habitações sociais e estradas, bem como a prestação de serviços relacionados com a importação e distribuição de medicamentos.

“Queremos ajudar o Presidente [da Guiné Bissau] a criar postos de trabalho para os guineenses”, referiu Li Gui Xiang, citada pela Angop.

Ainda de acordo com a agência noticiosa angolana, a delegação chinesa planeia também construir um parque industrial na Guiné-Bissau.