Notícias

China garante mais apoio a Cabo Verde em 2015

O Governo da China vai aumentar o apoio a Cabo Verde, tendo como prioridades os sectores da saúde, educação e agricultura, afirmou o Embaixador chinês em Cabo Verde, Su Jian, em declarações à agência noticiosa cabo-verdiana Inforpress.

Em 2014, a ajuda chinesa ao arquipélago atingiu US$25 milhões, montante que vai aumentar para US$30 milhões este ano, referiu Su Jian.

“A tendência é de que a ajuda aumente anualmente”, disse o diplomata, salientando que a China também tem apoiado Cabo Verde através de outros meios, nomeadamente bolsas de estudo, formação profissional e intercâmbios culturais, económicos e empresariais.

O diplomata termina funções a 20 de Fevereiro, depois de uma missão de cerca de dois anos em Cabo Verde.

Na entrevista à Inforpress, Su Jian referiu que estão a ser feitos esforços para que o complexo educativo da Ilha do Sal e a remodelação do Palácio Presidencial de Cabo Verde fiquem prontos no corrente ano. Ambos os projectos são apoiados pela China.

O Embaixador chinês no arquipélago afirmou que terão início, ainda no decorrer de 2015, as obras do Centro de Processamento de Produtos Agrícolas e o processo de concepção do novo campus da Universidade de Cabo Verde, projectos que contam também com o apoio de Pequim.

De acordo com Su Jian, o Governo da China vai financiar e construir uma universidade moderna, que será uma das maiores obras chinesas em Cabo Verde.