Notícias

China oferece apoio monetário a Angola contra febre amarela

O Governo da China irá disponibilizar um apoio financeiro no valor de US$500.000 para ajudar Angola a comprar vacinas contra a febre amarela, de acordo com a agência angolana de notícias Angop.

O donativo constitui a resposta a um pedido apresentado pelo Governo angolano, segundo informou a Embaixada da China em Angola, num comunicado citado esta semana pela Angop.

Angola enfrenta actualmente um surto de febre amarela, que, só na semana passada, resultou na morte de 10 pessoas, segundo a agência noticiosa angolana. Também na semana passada foram registados 38 novos casos suspeitos em Luanda, a capital de Angola.

Desde Dezembro, 38 pessoas morreram no país devido à febre amarela, de acordo com a agência portuguesa de notícias Lusa. Desde então, as autoridades locais confirmaram mais de 100 infecções na nação africana, acrescentou a mesma agência.

A febre amarela é transmitida aos humanos através da picada de um mosquito, podendo provocar febre e icterícia. Nalguns casos, a doença pode ser fatal.