Notícias

China doa mais 200 mil doses de vacina contra COVID-19 à Guiné-Bissau

A Embaixada da China na Guiné-Bissau entregou às autoridades guineenses, na segunda-feira, mais 200 mil doses de uma vacina contra a COVID-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinopharm, avançou a Lusa.

Segundo a agência noticiosa portuguesa, o Embaixador chinês em Bissau, Guo Ce, sublinhou que a China doou à Guiné-Bissau um total de 300 mil doses da vacina da Sinopharm em apenas 35 dias.

A Alta-Comissária da Guiné-Bissau contra a COVID-19, Magda Robalo, agradeceu à China pelo “gesto de solidariedade”, que deixa o país africano numa “posição confortável” para atingir a meta de vacinar metade dos maiores de 18 anos até Dezembro.

A Embaixada chinesa doou ainda cinco computadores, um televisor, um projector, três impressoras e uma máquina fotocopiadora ao Alto-Comissariado, referiu o jornal guineense O Democrata.

A Guiné-Bissau recebeu no final de Agosto 100 mil doses da vacina da Sinopharm.