Notícias

Brasil produz mais 3,3 milhões de doses de vacina chinesa contra a COVID-19

O Governo do Estado brasileiro de São Paulo anunciou que o Instituto Butantan entregou, na segunda-feira, mais 3,3 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde do Brasil.

O Instituto Butantan, um centro farmacêutico público de São Paulo, já entregou cerca de 20,6 milhões de doses da vacina contra a COVID-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech Ltd.

O contrato com o Ministério da Saúde prevê que o Instituto Butantan entregue 46 milhões de doses até ao final de Abril e mais 54 milhões até Setembro, avançou a Reuters.

O Instituto Butantan e o Governo Federal do Brasil estão a negociar um acordo para a entrega de mais 30 milhões de doses entre Outubro e o final de 2021, acrescentou a agência noticiosa.

O Instituto Butantan é actualmente responsável apenas pela fase final de produção da CoronaVac no Brasil, mas pretende começar a produzir os princípios activos da vacina em 2022.