Notícias

Angola quer exportar amido de mandioca

A Direcção Nacional de Desenvolvimento do Comércio Rural de Angola tem planos para exportar amido de mandioca, um ingrediente muito utilizado na indústria alimentar, avançou a agência noticiosa estatal angolana Angop.

O organismo anunciou na segunda-feira a criação de programas de aproveitamento e agregação de valor da produção de mandioca, com colheita estimada em mais de 11 milhões de toneladas por ano.

Os programas prevêem acções de incentivo ao surgimento da pequena e média indústria transformadora que possa transformar os vários sub-produtos derivados da mandioca, referiu a agência noticiosa.

O objectivo inicial é fornecer amido de mandioca a todo o mercado angolano, seguido da exportação em grande escala.

Actualmente a China é o maior importador mundial de amido de mandioca e todos os anos despende cerca de US$350 milhões neste produto, refere a Angop.