Notícias

Universidade do sul da China cria programa de português

O Ministério chinês da Educação aprovou na semana passada a criação de um novo programa de língua portuguesa na Universidade Normal de Hunan, no sul da China, avançou o Xiaoxiang Morning News.

Segundo o jornal local chinês, o Ministério revelou num comunicado ter aprovado 55 novos cursos em universidades da província de Hunan, incluindo vários dedicado à inteligência artificial.

A Universidade de Estudos Estrangeiros de Guangdong, no sul da China, anunciou, também na semana passada, que o seu programa de português foi distinguido pelo Ministério como sendo de “primeira classe”.

A mesma distinção foi dada, mas pela província de Shaanxi, no noroeste da China, ao curso de língua portuguesa na Universidade de Estudos Internacionais de Xi’na, avançou a instituição em comunicado.

O interesse pelo português no Interior da China tem registado um crescimento “enorme”, sobretudo na última década, com aproximadamente 50 instituições de ensino superior a ensinar actualmente a língua portuguesa, disse à agência noticiosa portuguesa Lusa em Novembro o Coordenador do Centro Pedagógico e Científico da Língua Portuguesa do Instituto Politécnico de Macau, Gaspar Zhang Yunfeng.