Notícias

Trina Solar pode instalar fábrica de rastreadores solares no Brasil

Numa entrevista realizada na Intersolar South America, a presidente de módulos e células da companhia chinesa Trina Solar, Helena Li, divulgou que a empresa está a analisar a viabilidade de instalar uma fábrica de rastreadores solares no Brasil para atender à demanda de desenvolvedores locais, tendo assim acesso a algumas linhas de financiamento. Além disso, a executiva descartou a possibilidade da produção de módulos fotovoltaicos no Brasil.

Explicou que não é fácil começar qualquer tipo de operação de manufactura fora da China. Antes de construir a fábrica, é preciso comparar os custos e perceber se ocorreram alterações nas regras.

Apesar de ter uma forte presença em projectos de grande porte na geração centralizada, a Trina planeia ganhar mais participação no mercado de geração distribuída no Brasil. A executiva acredita que o sector solar brasileiro tem um potencial enorme e continua aquecido.