Notícias

TAP Portugal planeia voos directos para a China

A companhia aérea portuguesa TAP Portugal planeia abrir uma ligação aérea directa entre a capital lusa, Lisboa, e uma cidade a definir na China. A confirmar-se, será a primeira companhia aérea a oferecer voos directos entre os dois países.

O anúncio foi feito pelo empresário da área da aviação David Neeleman, de acordo com a agência portuguesa de notícias Lusa. David Neeleman, em conjunto com um sócio português, tornou-se no ano passado no maior accionista da TAP Portugal, através do consórcio privado Atlantic Gateway. A companhia aérea era anteriormente detida pelo Estado.

“Ainda estamos a analisar com que cidade será feita a ligação e outros detalhes, mas esperamos anunciar o investimento o quanto antes”, afirmou o empresário.

De acordo com a Lusa, o Governo português e a Atlantic Gateway assinaram recentemente um memorando de entendimento para permitir ao Governo ter uma participação de 50 por cento na TAP. O acordo autoriza a companhia aérea chinesa Hainan Airlines a tornar-se accionista da Atlantic Gateway.

David Neeleman disse à Lusa que o grupo chinês irá provavelmente deter “indirectamente 10 por cento a 13 por cento da TAP”. O empresário acrescentou que o negócio deverá ficar concluído ainda este ano, por altura do anúncio de uma ligação aérea directa entre Portugal e a China.