Notícias

Recém-criada Câmara Portugal-China PME prepara fundo de 10 milhões de euros

A recém-criada Câmara do Comércio Portugal-China PME está já a trabalhar na criação de um fundo de investimento para os sectores agro-alimentar e turístico, no valor inicial de 10 milhões de euros (US$11,1 milhões), mas que pode chegar aos 30 milhões de euros.

A revelação foi feita por Chow Y Ping, Presidente da associação, numa entrevista à Lusa publicada na segunda-feira.

O responsável acredita que a Câmara poderá receber até ao final do ano a autorização do Banco de Portugal para constituir o fundo, referiu a agência noticiosa portuguesa.

O projecto é concretizável e pode até ser conciliado com o programa de Autorização de Residência para Actividade de Investimento em Portugal, também conhecido por programa dos ‘vistos gold’, mas para investimentos “no interior” do país luso, defendeu Chow Y Ping.

O interior de Portugal pode representar uma oportunidade para os investidores chineses interessados em promover na China rotas turísticas alternativas, disse o empresário.