Notícias

Petrolífera brasileira inicia operação de plataforma chinesa

A petrolífera estatal brasileira Petrobras já começou a extrair petróleo e gás natural na área de Sépia, nas águas da Bacia de Santos, no sul do Brasil, usando uma plataforma fabricada na China, revelou no domingo a China News Service.

Segundo a agência noticiosa estatal chinesa, a plataforma tem uma capacidade diária de injecção de 24 mil metros cúbicos de água e de processamento de 28,6 mil metros cúbicos de crude e 6 milhões de metros cúbicos de gás natural.

A unidade flutuante de produção, armazenamento e trasfega (FPSO, na sigla inglesa) foi equipada com sistemas avançados de extracção de crude e gás natural, e com espaços para os trabalhadores residirem. A plataforma foi entregue à Petrobras em Novembro.

O Modec Offshore Production Systems (Singapore) Pte Ltd., um armador de Singapura, tinha entregado a reconversão do petroleiro num FPSO à Dalian COSCO Shipping Heavy Industries, uma subsidiária do grupo chinês COSCO Shipping Group.