Notícias

Nova bolsa de valores quer ajudar PMEs chinesas a aceder a capital em Moçambique

A Bolsa Internacional de Valores de Moçambique, inaugurada recentemente, poderá ajudar pequenas e médias empresas (PMEs) da China a aceder ao mercado moçambicano de capitais, disse Lu Yonghua, assessor da Bolsa.

Segundo a televisão estatal da província de Hebei, o responsável falava durante uma conferência, realizada simultaneamente em Moçambique e em Haikou, capital da província de Hainão, no sul da China, na semana passada.

A conferência, co-organizada pela Bolsa Internacional de Valores de Moçambique e pelo grupo chinês Shenzhen Xiang Teng Sanshang International Holdings Group Co. Ltd., atraiu mais de 500 participantes, incluindo empresários chineses.

Lu Yinghua disse que as PMEs chinesas podem investir em Moçambique, apoiando o desenvolvimento económico do país africano, e ao mesmo tempo atrair capital para as suas operações.