Notícias

Novo sistema de liquidação em yuan reforça plataforma de Macau: Autoridade Monetária

O novo sistema de liquidação imediata em tempo real em yuan (RMB RTGS, na sigla em inglês) de Macau pode reforçar o papel do território como plataforma financeira para a cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa, defendeu a Autoridade Monetária de Macau (AMCM).

De acordo com o jornal local Macao Daily News, o sistema está em funcionamento desde o início de Março, contando com a participação de 28 instituições financeiras, nomeadamente 23 bancos com sede em Macau, três bancos com sede fora do território e duas instituições financeiras não bancárias.

O sistema permite fornecer, em tempo real, serviços de liquidação em yuan em relação a transacções efectuadas pelos clientes das instituições financeiras aderentes ou entre estas instituições, explicou Lau Kei Fong, Director-Adjunto do Gabinete de Informática da AMCM.

De acordo com o responsável, o sistema, que tem uma capacidade diária para gerir 100.000 transacções, tem vindo a processar uma média superior a 200 transacções por dia.

Lau Kei Fong salientou que, através da prestação mais eficiente de serviços denominados em yuan, as instituições financeiras de Macau podem ajudar a consolidar o papel do território como uma plataforma financeira para a cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa. O Director-Adjunto encorajou ainda as instituições financeiras dos Países de Língua Portuguesa a aderirem ao sistema.