Notícias

Sorteio de terrenos em Angola atrai 55 mil candidatos

O sorteio para a aquisição de 560 lotes infra-estruturados em Kilamba, a 30 quilómetros da capital angolana, Luanda, atraiu quase 55 mil candidatos, avançou a Angop. Os lotes foram sorteados na terça-feira, segundo a agência noticiosa estatal angolana.

De acordo com a Angop, o preço do terreno depende da área bruta de construção, tipologia do projecto e número de pisos, variando entre US$96 e US$150 por metro quadrado para estruturas de uso misto ou habitação.

O mais pequeno dos lotes, com 375 metros quadrados, irá custar seis milhões de kwanzas (US$11.200), disse o Presidente da Empresa Gestora de Terrenos Infraestruturados, Pedro Cristóvão, citado pelo Jornal de Angola.

De acordo com o diário angolano, o Secretário de Estado do Ordenamento do Território e Habitação, Manuel Pimentel, sublinhou que a maioria dos terrenos (529) está destinada a habitação.

A infra-estruturação dos terrenos, que arrancou em Abril de 2017, esteve a cargo da empreiteira chinesa Citic Construction, avançou na altura o Jornal de Angola.