Outras Informações

DST prossegue com acções de formação para funcionários de turismo de países de língua portuguesa

A Direcção dos Serviços de Turismo (DST), em cooperação com o Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Macau), irá dar início ao programa de formação na área do turismo deste ano para funcionários de entidades governamentais de turismo de países de língua portuguesa. A formação permitirá aos formandos inteirarem-se do desenvolvimento da indústria turística de Macau e do funcionamento diário da DST, bem como reforçar a aprendizagem mútua e o intercâmbio, contribuindo assim para a formação e desenvolvimento das competências de quadros técnicos da área do turismo.

Entre Abril e Julho, cerca de 20 funcionários de entidades governamentais do turismo de Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Timor Leste e Angola virão a Macau, para receber formação e estagiar em diversos departamentos da DST. O primeiro grupo de formandos terá formação a partir de hoje (dia 11). Os departamentos da DST que darão formação são: o Departamento de Formação e Controlo da Qualidade, o Departamento de Planeamento e Desenvolvimento da Organização, o Departamento de Comunicação e Relações Externas, o Departamento de Promoção Turística, Departamento de Licenciamento e Inspecção, o Departamento de Produto Turístico e Eventos, e o Departamento Administrativo e Financeiro. A formação inclui também, entre outras, visitas de familiarização a atracções turísticas parte do Património Mundial de Macau, o Instituto de Formação Turística e infra-estruturas turísticas. Com a organização deste programa de formação, a DST espera reforçar a aprendizagem e o intercâmbio na área do turismo entre Macau e os países de língua portuguesa, bem como contribuir para a formação e desenvolvimento de competências dos recursos humanos do sector dos países envolvidos.

O Governo da Região Administrativa Especial de Macau, está empenhado no objectivo da construção de Macau como um Centro Mundial de Turismo e Lazer e uma Plataforma de Serviços de Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, conjugando as vantagens singulares e específicas de Macau, estimulando uma diversificação adequada e promovendo o desenvolvimento sustentável da economia. Em conformidade com os objectivos de desenvolvimento de Macau, a DST continua a reforçar a cooperação regional e internacional na área do turismo e a impulsionar o trabalho de apoio aos países de língua portuguesa.

A DST assinou Memorandos de Entendimento para Cooperação em Matéria de Turismo com Cabo Verde, Guiné-Bissau e Moçambique, em 2010, e com Timor Leste e Angola, em 2013 e 2015, respectivamente. Entre 2012 e 2015 a DST já prestou formação a um total de 73 funcionários governamentais de turismo de países de língua portuguesa.

Fonte : Direcção dos Serviços de Turismo