Notícias

Macau e Interior da China alvos de novo plano de promoção da língua portuguesa

O novo plano da Comissão Temática para a Promoção e Difusão da Língua Portuguesa da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) prevê iniciativas em Macau e tem o Interior da China como um dos seus alvos principais.

A China é, dos países que não têm o português como língua oficial, o que mais tem feito “pela promoção de professores e de técnicos tradutores da língua portuguesa no mundo”, disse na terça-feira Rui Lourido, o novo Coordenador da Comissão.

O plano inclui o lançamento do livro “Literatura e cultura em tempos de pandemia”, que junta textos sobre a COVID-19 de 75 escritores lusófonos e é editado pela União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, avançou a Lusa.

Segundo a agência noticiosa portuguesa, o plano abrange ainda a reabertura, prevista para Julho, do Museu da Língua Portuguesa, na cidade brasileira de São Paulo, que em Dezembro de 2015 foi atingido por um incêndio.