Notícias

ICBC autorizado a negociar emissões de dívida pública angolana

O Governo angolano escolheu o Goldman Sachs para liderar um grupo de bancos internacionais que serão agentes em “representação da República de Angola” na emissão de dívida soberana. Neste grupo estão também o Industrial and Comercial Bank of China (ICBC) e o BNP Paribas, segundo despacho presidencial citado pela agência Lusa.

O documento, que não estabelece valores concretos para emissão de dívida, justifica esta decisão com a “estratégia do Governo no que concerne à diversificação das fontes de financiamento”.

A dívida pública angolana deverá atingir os US$48,3 mil milhões este ano, o equivalente a 35,5 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), quando em 2012 não chegava a 11 por cento, segundo o Orçamento Geral do Estado em vigor.

O orçamento está já a ser revisto devido à queda do preço do petróleo nos mercados internacionais, situação que afecta a principal fonte de receitas fiscais do Estado angolano.