Notícias

Grupo de capitais chineses vai recuperar pastagens degradadas no Brasil em parceria com empresa local

A empresa brasileira de tecnologia agrícola ConnectFarm anunciou ter sido escolhida pelo grupo Syngenta, controlado pela empresa estatal chinesa China National Chemical Corp, para ajudar a recuperar pelo menos um milhão de hectares de pastagens degradadas no Brasil nos próximos cinco anos.

Num comunicado divulgado na terça-feira e citado pela agência noticiosa Reuters, a ConnectFarm diz que irá ajudar agricultores brasileiros a plantar uma variedade mais resistente de feijão-soja, que consegue crescer em terrenos degradados.

O projecto, anunciado pelo Syngenta e pela organização ambientalista The Nature Conservancy em 2019, está também a promover parcerias com bancos para ajudar os agricultores a obter financiamento para cultivar soja nestas áreas.

“Ao converter terras de pastagem degradadas em áreas para cultivo de soja e outros grãos, colaboramos com uma produção sustentável”, disse o Director-Executivo da ConnectFarm, Rodrigo Franco Dias, citado no comunicado.