Notícias

Futebol chinês “no caminho certo”, diz treinador português

O futebol chinês está “no caminho certo” para concretizar o objectivo de ser uma potência mundial até 2050, defendeu Rui Mota, Treinador-Adjunto da selecção nacional masculina da China ao jornal A Bola.

O treinador português chegou à China em 2016 e diz que desde então nota “uma evolução muito grande”, nomeadamente através de um aumento “brutal” do número de centros de treino “muito qualificados” da Associação Chinesa de Futebol.

As equipas chinesas oferecem condições “de topo” aos seus jogadores e estão actualmente a tentar “crescer de forma mais sustentada”, após anos de grandes investimentos, explica Rui Mota.

Os melhores futebolistas chineses já apresentam bastante qualidade e têm capacidade para jogar em clubes europeus “médios e bons”, disse ao jornal desportivo português o técnico de 40 anos.

Na China, Rui Mota já passou pelo Sichuan Annapurna, do terceiro escalão, a selecção nacional chinesa de sub-19, o Baoding Rongda, do segundo escalão, e o gigante Bejing Guoan.