Notícias

Fórum discute amanhã cooperação sino-angolana na área da agricultura e pescas

Mais de 60 empresas e instituições chinesas já se inscreveram para participar amanhã no Fórum China-Angola de Cooperação para Investimento em Agricultura e Pescas, revelou o Embaixador chinês em Luanda, Gong Tao.

Diversas empresas chinesas uniram-se ao evento, que irá discutir as políticas de investimento e oportunidades de cooperação com Angola, porque estão muito interessadas em investir no sector angolano das pescas, disse o diplomata.

Segundo um comunicado da Embaixada da China em Angola, Gong Tao falava durante um encontro com o Ministro angolano da Agricultura e Pescas, António Francisco de Assis, na segunda-feira.

Angola gostaria de receber mais investimento privado chinês para aumentar a produção e capacidade de processamento de pescado, expandir a cadeia industrial no sector das pescas e estimular as exportações, disse o governante.

Gong Tao encorajou Angola a aproveitar a Exposição Internacional de Importação da China e a Exposição Económica e Comercial China-África para reforçar a exportação de produtos agrícolas e de pescado de qualidade para a China.