Notícias

Fábrica chinesa ajuda empresa portuguesa de partes para automóveis a expandir vendas

A abertura de uma unidade no nordeste da China, em 2011, ajudou a fabricante portuguesa de partes para automóveis Sodecia S.A. a ampliar o negócio na Ásia, disse Carlos Martins, Gestor de Fábrica da Sodecia Powertrain Dalian Co. Ltd.

O responsável revelou à Rádio China Internacional que as vendas da fábrica na província de Liaoning subiram de 70 milhões de yuan (US$10,8 milhões) em 2012 para 450 milhões de yuan em 2020.

A Sodecia já compra plástico de injecção a fornecedores chineses e está há uns meses a fazer testes com aço local, uma vez que a China “já começa a ter materiais de qualidade idêntica ou superior” ao material europeu, sublinhou Carlos Martins.

A empresa portuguesa tem projectos para duas linhas de produtos diferentes em fase de negociação, com possível arranque nos próximos dois anos, disse o responsável ao serviço em português da rádio estatal chinesa.