Notícias

Entrada em funcionamento do campo de produção petrolífera com investimento chinês em Mero no Brasil

A Petrobras informou que iniciou no último sábado a produção de petróleo e gás natural por meio do FPSO Guanabara, primeiro sistema de produção definitivo instalado no campo de Mero, no pré-sal da Bacia de Santos.

O campo de Mero é operado pela Petrobras (38.6%), em parceria com a CNPC (9,65%), CNOOC Brasil (9,65%) e outros produtores de energia. A CNOOC Brasil é a subsidiária do Grupo CNOOC, que é um produtor de petróleo bruto offshore e gás originário da China.

O campo de Mero está localizado a mais de 150 km da costa do estado do Rio de Janeiro em águas profundas. A profundidade chega a 1.930 metros. Trata-se do terceiro maior campo de petróleo do pré-sal, atrás apenas de Búzios e Tupi.

A plataforma FPSO tem uma capacidade de processar até 180 mil barris de óleo e 12 milhões de metros cúbicos de gás por dia, o que representa 6% da produção operada pela Petrobras.