Notícias

Embraer espreita mercado chinês de mercadorias

Guo Qing, Director-Executivo da subsidiária na China da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer), disse que o grupo está a trabalhar com parceiros locais para servir o mercado chinês de transporte aéreo de mercadorias.

Segundo a Xinhua, o responsável acrescentou que este negócio vai ser impulsionado pela crescente procura dos sectores do comércio electrónico e da logística.

A Embraer lançou recentemente um projecto para converter a sua série E-Jet de aviões de passageiros de pequena dimensão em aviões de mercadorias, disse Guo Qing.

O grupo brasileiro espera vender 700 destes aviões convertidos nos próximos 20 anos, com mais de um terço (240), a ir para a China, avançou a agência noticiosa estatal chinesa.

Guo Qing disse que a Embraer estabeleceu uma rede completa de formação de pilotos, em conjunto com parceiros locais, para melhor servir os seus clientes chineses.