Notícias

Delegado à CPPCC quer maior cooperação entre advogados de Macau e do Interior da China

Os advogados de Macau e do Interior da China devem trabalhar em conjunto para disponibilizar serviços legais de suporte à cooperação comercial e económica entre a China e os Países de Língua Portuguesa, defendeu Hoi Kin Hong.

Segundo o Observer, o promotor imobiliário de Macau lembrou que muitos advogados de Macau estão qualificados para exercer direito em Países de Língua Portuguesa, são fluentes em chinês e português e conhecem o direito do Interior da China.

Os advogados de Macau podem também desempenhar um papel importante na Aliança dos Advogados “Uma Faixa, Uma Rota”, disse o membro do Comité Permanente do Comité Nacional da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês (CPPCC, na sigla chinesa).

Em propostas entregues à CPPCC, citadas pelo portal noticioso chinês, Hoi Kin Hong diz ainda que Macau pode ajudar a reforçar os contactos entre a China e os chineses ultramarinos a viver em Países de Língua Portuguesa.