Notícias

Complexo avícola chinês quer garantir fornecimento de ovos e frango em Angola

Um novo complexo avícola detido por capitais chineses, localizado na capital angolana, Luanda, adoptou equipamento de alta tecnologia e métodos avançados de gestão, para ajudar a garantir o fornecimento estável de ovos e carne de frango em Angola.

O empreendimento, que resulta de um investimento da Câmara de Comércio de Sichuan-Chongqing em Angola, começou a operar a meio de Julho, com 50 mil galinhas poedeiras e pretende atingir as 250 mil.

A unidade tem equipamento de alimentação automática e sistemas de ar condicionado e de tratamento de águas residuais, para garantir a saúde das galinhas, sublinhou o Angola Chinese News.

Um laboratório bioquímico instalado no empreendimento vai monitorizar a nutrição das galinhas e disponibilizar serviços de testes para ajudar outras quintas angolanas a melhorar a sua produtividade.

O complexo irá manter uma média de 10 mil galinhas poedeiras para continuar as suas operações e vender as restantes para responder à procura em Angola, avançou o portal noticioso angolano de língua chinesa.