Notícias

Linha de comboio de Benguela entregue por empresa chinesa a autoridades angolanas

A linha de caminhos-de-ferro de Benguela, reconstruída pela China Railway 20 Bureau Group Corporation (CR20), foi oficialmente entregue às autoridades angolanas na quinta-feira, avançou a Xinhua.

Segundo a agência noticiosa estatal chinesa, a linha – com 1.344 quilómetros – vai desde o porto de Lobito, no oeste de Angola, até à fronteira em Luao, passando por cidades como Benguela, Kuito e Luena. O projecto representou um investimento de US$1,83 mil milhões. A nova linha entrou em operação em 2015.

Luís Lopes Teixeira, presidente da Empresa do Caminho de Ferro de Benguela, disse que a entrega oficial da linha marca o início de uma nova era, com mais projectos de cooperação e novo investimento em Angola, referiu a Xinhua.

De acordo com a agência, o responsável demonstrou confiança no futuro da cooperação com a CR20, que vai continuar a dar apoio à empresa angolana no que toca a tecnologia ferroviária, operações e manutenção da linha de Benguela.

Durante a reconstrução da linha, a empresa chinesa empregou mais de 25 mil trabalhadores locais e treinou mais de 5 mil técnicos angolanos, incluindo maquinistas, pessoal de manutenção da linha e técnicos de comunicação e sinalização, noticia a Xinhua.