Notícias

China vai continuar a oferecer cursos de formação a são-tomenses

A China vai continuar a oferecer vários tipos de cursos de formação a são-tomenses, apesar da pandemia da COVID-19, recorrendo a aulas online, garantiu a Embaixada chinesa em São Tomé e Príncipe.

Desde o restabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países em 2016, o Governo chinês já concedeu a 200 jovens locais bolsas para estudar em universidades na China e ofereceu ainda cursos de formação técnica a 600 oficiais, técnicos e gestores são-tomenses.

Segundo um comunicado, a Embaixadora da China em São Tomé e Príncipe, Xu Yingzhen, disse na terça-feira que o programa pretende apoiar o desenvolvimento económico e social do país africano.

A cooperação na formação de recursos humanos já se tornou um ponto de destaque no relacionamento entre os dois países, acrescentou a diplomata, durante um encontro com formandos e estudantes são-tomenses regressados da China.

Os cerca de 20 participantes no evento agradeceram às autoridades chinesas a oportunidade de expandir os seus horizontes e aprender mais sobre a China.