Notícias

China mais receptiva a investimento estrangeiro: Li Keqiang

O Primeiro-Ministro chinês, Li Keqiang, assegurou esta quarta-feira que o seu Governo vai continuar a abrir a economia do país ao investimento estrangeiro. As declarações do governante, citadas pela agência noticiosa oficial chinesa Xinhua, foram feitas na reunião anual de verão do Fórum Económico Mundial, actualmente a decorrer na cidade chinesa de Dalian.

O Governo chinês reduziu, no início deste ano, para metade o número de indústrias nas quais não é permitido investimento estrangeiro, salientou Li Keqiang.

“A China está a envidar esforços para equilibrar as condições de acesso ao mercado para as empresas chinesas e estrangeiras”, afirmou o Primeiro-Ministro chinês.

O governante acrescentou que a China está actualmente a negociar tratados bilaterais de investimento com vários países, incluindo com os Estados Unidos e com várias nações da União Europeia.

No primeiro semestre deste ano, o investimento estrangeiro directo na China cresceu 7,7 por cento em termos homólogos, segundo a Xinhua.

Na quarta-feira, Li Keqiang falou igualmente sobre o crescimento económico do país. De acordo com a Xinhua, o governante afirmou que as perspectivas económicas da China “se mantêm positivas”, apesar das flutuações sazonais.