Notícias

Cabo Verde em negociações com a China para introduzir ensino de mandarim

O Governo de Cabo Verde está em negociações com o Executivo da China para introduzir o ensino de mandarim nas escolas do país africano, afirmou esta semana a Ministra da Educação, Família e Inclusão Social de Cabo Verde, Maritza Rosabal.

Em declarações à agência cabo-verdiana de notícias Inforpress, a governante explicou que a ideia foi bem acolhida pelas autoridades chinesas e o processo de negociações com o Governo da China está neste momento a decorrer.

Maritza Rosabal acrescentou que a China manifestou a intenção de enviar professores de mandarim para Cabo Verde, bem como material para o ensino da língua. De acordo com a Ministra, o mandarim poderá tornar-se uma das línguas opcionais para os estudantes cabo-verdianos no ano lectivo de 2017/2018.

A responsável adiantou ainda que o Governo está a ponderar introduzir também o ensino do espanhol nas escolas do país.