Notícias

Produção petrolífera de Angola deve aumentar em 2018: BMI Research  

A produção de petróleo em Angola deverá registar um “forte crescimento” no próximo ano, prevê a consultora BMI Research, no seu último relatório dedicado à exploração petrolífera do país africano.

No relatório, citado pela agência de notícias Lusa, a BMI Research prevê uma produção de 1,747 milhões de barris por dia este ano em Angola, o que representa um ligeiro aumento face aos 1,743 milhões de barris por dia no ano passado.

Em 2018, no entanto, esse ritmo deverá disparar para uma produção de 1,861 milhões de barris diários. Posteriormente, essa produção deverá registar um abrandamento, acreditam os analistas.

Na análise que faz aos pontos fortes de Angola – que só fica atrás da Nigéria na luta pelo posto de maior produtor de petróleo em África – a BMI aponta a tradição de décadas na exploração petrolífera no país, o forte potencial de exploração no pré-sal e um regime fiscal e de licenças estável.