Notícias

Bancos de Macau querem reforçar plataforma financeira sino-lusófona

O Presidente da Associação de Bancos de Macau (ABM), Li Guang, garantiu na terça-feira que o sector vai continuar a apoiar o posicionamento de Macau enquanto plataforma de serviços financeiros entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

Num encontro com o Chefe do Executivo de Macau, Ho Iat Seng, o responsável acrescentou que a ABM vai participar, activamente, na construção de uma indústria financeira na região da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau.

Segundo um comunicado do Governo de Macau, Li Guang defendeu que a criação da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau, na ilha vizinha de Hengqin, representa uma grande oportunidade para o sector financeiro da região.

O Presidente Executivo da ABM, Ip Sio Kai, disse que os novos corpos dirigentes da associação criaram novas comissões, nomeadamente dedicadas à zona de cooperação em Hengqin e à plataforma de serviços financeiros sino-lusófona, entre outras áreas.