angola-Eng
Nome Oficial: República de Angola
Área (km2): 1.246.700
População (milhões): 32,5 (estimativa 2020)
Capital: Luanda
Língua oficial: Português
Chefe de Estado: João Manuel Gonçalves Lourenço
Ministro do Comércio: Victor Francisco dos Santos Fernandes
Moeda: Kuanza (AOA)
Taxa de Câmbio: USD1 = 492,57 AOA (Março, 2020)
Hora local: GMT+1

Angola-pic-1 Angola-pic-2

Angola situa-se na Costa Ocidental de África, com uma superfície de cerca de 1,246 milhões de km2, cujo território principal é limitado a norte e a nordeste pela República Democrática do Congo, a leste pela Zâmbia, a sul pela Namíbia e a oeste pelo Oceano Atlântico. Estimativa de uma população aproximadamente de 30,175 milhões de habitantes.

Angola é rica em petróleo, gás natural e recursos minerais. De acordo com a prospecção efectuada, possui mais de 12,6 mil milhões de barris de petróleo explorável, e uma reserva de gás natural de sete biliões de metros cúbicos. Os principais produtos minerais são diamantes, ferro, fosfato, cobre, manganês, urânio, chumbo, estanho, zinco, tungstênio, ouro, quartzo, mármore e granito. Para além disso, tem uma reserva rica de recursos hídricos, agropecuários e pesqueiros.

A economia angolana tem por base a exploração da indústria petrolífera e diamantífera. A produção anual de petróleo contabiliza cerca de 600 milhões de barris, posicionada no 2º lugar do ranking de produção de petróleo de África. Com uma reserva de diamantes de 180 milhões de quilates, Angola é o 5º maior país produtor de diamantes do mundo. As outras principais indústrias são as de betão, materiais de construção, montagem e manutenção de automóveis, têxtil e vestuário, processamento dos produtos alimentares e aquáticos, etc.

As relações diplomáticas entre a República Popular da China e Angola estabeleceram-se em 1983 e, desde então, o relacionamento entre os dois países tem-se desenvolvido sem sobressaltos. Em 2010, as relações entre a China e Angola foram elevadas para o nível de Parceria Estratégica. Angola é o segundo maior parceiro comercial da China em África. Em 2018, as trocas comerciais entre os dois países registaram o total de 28,053 mil milhões de dólares americanos. A China importa de Angola principalmente produtos como petróleo e gás natural, e exporta produtos mecânicos e electrónicos, aço, automóveis e produtos de alta e nova tecnologia, etc.


MAIS DETALHES
Síntese do País
Guia de Investimento (apenas disponível em chinês)
- Programa de Privatizações de Angola 2019-2022 (PROPRIV) (disponível em inglês)