A Huawei Technologies Co Ltd testou com sucesso a tecnologia 5G com as quatro principais operadoras do Brasil e quer liderar o desenvolvimento deste serviço ultra-rápido no país sul-americano, disse Nicolas Driesen, Director de Tecnologia da gigante chinesa das telecomunicações.

Numa entrevista à Reuters, o responsável disse que a Huawei está a ajudar as operadoras a modernizar as suas infra-estruturas antes de um leilão de espectro há muito aguardado, previsto para Março de 2020.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) do Brasil está ainda a elaborar as regras para o leilão 5G, tendo já decidido em Maio que as frequências 2.3 GHz e 3.5 GHz irão a leilão, referiu a agência noticiosa.

Nicolas Driesen disse à Reuters que a futura cobertura 5G poderia também beneficiar de uma mudança na legislação brasileira de forma a uniformizar os procedimentos para a instalação de torres e antenas, uma reivindicação já antiga do sector.